Notícias

Cade autoriza criação de joint venture em Minas Gerais

11/07/2018

A brasileira Duratex e empresa austríaca Lenzing receberam nesta quarta-feira (11) o aval do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para formar uma joint venture de produção de celulose solúvel. A nova companhia tem como objetivo operar na produção e comercialização deste produto após a construção de uma linha industrial de celulose solúvel em área florestal da Duratex no triangulo mineiro. O despacho com a decisão foi publicado hoje no Diário Oficial da União (DOU).

Segundo informações divulgadas pela Duratex, investimento total previsto para o projeto é de, aproximadamente, US$ 1 bilhão. As áreas de terras e florestas em Minas Gerais representam uma parte do investimento da Duratex, além do investimento financeiro da companhia brasileira. A joint venture que irá operar a fábrica e a floresta será detida pela Duratex e pela Lenzing, com participação de 49% e 51%, respectivamente. A decisão de quando a planta será construída será tomada no segundo semestre de 2019 e a expectativa é que a primeira produção ocorra em 2022.

A fábrica deverá ter capacidade para produzir 450 mil toneladas de celulose solúvel por ano. Toda a produção da nova fábrica será 100% destinada à exportação e vendida para Lenzing para suprir suas operações na Europa e na Ásia.

De acordo com o presidente da Duratex, Antônio Joaquim de Oliveira, projetos como estes resultam do planejamento estratégico para o futuro da Duratex. “Projetos como este são resultado de nosso plano estratégico e do empenho da nossa equipe para traçar o futuro da Duratex. Estamos prontos e estruturados para manter a liderança e expandir os nossos negócios, reforçando, assim, o compromisso da Duratex com o desenvolvimento do Brasil, fomentando a economia por meio da geração de empregos e investimentos”, afirmou Antônio.

Stefan Doboczky, Diretor Executivo do Grupo Lezing, ressaltou que a parceria com a Duratex ajudará a criar uma matéria-prima competitiva com o mercado mundial. Estamos entusiasmados em ter a Duratex, uma empresa líder em manejo florestal sustentável, como parceira nessa joint venture. Juntos criaremos uma matéria-prima sustentável e competitiva para o plano de expansão mundial da Lenzing”, disse Doboczky.

Cadastre seu e-mail e receba nosso informativo


Belo Horizonte | São Paulo | Rio de Janeiro | Brasília | Juiz de Fora

© Copyright 2018 - Moura Tavares, Figueiredo, Moreira e Campos Advogados - Todos os Direitos Reservados